Signos

2017

A instalação audiovisual “Signos” propõe um olhar semiótico acerca das construções sociais e como elas são dadas no contexto atual da mulher. O projeto pretende discutir as relações de significação entre palavra e imagem, questionando as simbologias atribuídas, veiculadas e reconhecidas pela sociedade. A instalação é composta por 1 projetor, uma câmera de vigilância, uma cadeira, uma pilha de jornais e uma urna de acrílico. Como a teórica Judith Butler discute, o gênero é uma construção social: são os regimes de visibilidade e representação que acabam moldando silenciosamente a identidade das mulheres na contemporaneidade.

A instalação é resultado de um processo colaborativo entre mulheres de diversas idades e nacionalidades. Estas mulheres foram convidadas à realizarem uma ação – filmada em vídeo -, com a seguinte instrução:
“Rasgue pedaços de jornal; dos rasgos, escolha palavras que você identifica como a próprias para responder a pergunta: o que é ser mulher hoje?, e em seguida, leia-as para a camera.” A proposta é direcionar o olhar para as relações imagéticas produzidas pelas palavras e pela sua espetacularização, na raiz da notícia, considerando também fatores etnográficos e de identificação.

Os vídeos enviados transformaram-se em uma faixa de áudio que se reproduz em loop junto à um video de mãos que rasgam um jornal frente às câmeras. No ambiente escuro, o espectador é convidado a participar e selecionar ele também suas palavras, dispondo-as na urna após a ação. Ao final da sala, uma pequena tela revela uma filmagem do ambiente em tempo real, problematizando novamente o olhar, a imagem e o corpo daqueles que agem.

A instalação foi montada no Museu Municipal de Arte de Curitiba, dentro do Circuito Internacional Universitário da Bienal de Curitiba de 2017, e ganhador do prêmio de segundo lugar do mesmo. Também foi exposto na exposição coletiva "Sem Título n1", dos formandos em Artes Visuais da UFRGS de 2017, na Pinacoteca Barão de Santo Angelo, em Porto Alegre. 

_________________________________________________

The audiovisual installation “Signs” proposes a semiotic look at social constructions and how they are given in the current context of women. The project aims to discuss the meaning relations between word and image, questioning the symbologies attributed, conveyed and recognized by society. The facility consists of 1 projector, a surveillance camera, a chair, a newspaper stack and an acrylic urn. As the theorist Judith Butler argues, gender is a social construct: it is the regimes of visibility and representation that end up silently shaping women's identity in contemporary times.

The installation is the result of a collaborative process between women of different ages and nationalities. These women were invited to perform an action - filmed on video - with the following instruction:
“Tear off pieces of newspaper; choose the words you identify as your own to answer the question: what is it like to be a woman today? and then read them to the camera. ”The proposal is to direct your gaze to the imaginary relationships produced by the words and for its spectacularization, at the root of the news, also considering ethnographic and identification factors.

The uploaded videos have turned into a looping audio track next to a video of hands tearing a newspaper in front of the cameras. In the dark environment, the viewer is invited to participate and also select his words, arranging them in the ballot box after the action. At the end of the room, a small screen reveals real-time footage of the environment, again problematizing the look, image, and body of those who act.

The installation was mounted at the Curitiba Municipal Museum of Art, within the 2017 Curitiba Biennial International University Circuit, and the winner of the second place award. It was also exhibited at the collective exhibition "Untitled n1", graduated in Visual Arts graduates of UFRGS 2017, at Pinacoteca Barão de Santo Angelo, in Porto Alegre.

 

_CAM5469.jpg
Captura_de_Tela_2017-12-13_às_5.10.57_PM
projeto Signos 2 vista.jpg
_CAM5453.jpg
_CAM5457.jpg
intercao.png